Cerca de 40 lavouras de fumo são destruídas pelo granizo, em Irineópolis

Maioria das lavouras teve perda total, segundo a prefeitura/Divulgação

Pelo menos 40 propriedades foram atingidas pelo temporal com granizo que caiu na última quarta-feira (9), na região do município de Irineópolis, e agricultores tiveram grandes perdas nas lavouras de tabaco.

De acordo com a prefeitura local mais de 40 propriedades das localidades de Colônia Escada, Rio Vermelho, Rio Branco e São José foram atingidas. “Nas lavouras de fumo é mais visível os prejuízos, a maioria teve perda total. Ficou muito feio onde pegou”, comentou o prefeito, Juliano Pozzi Pereira.

O temporal surpreendeu os fumicultores no ponto mais alto de maturação do fumo. Justamente no momento em que muitos se preparavam para colher as folhas a fim de secá-las e comercializá-las. O granizo também atingiu algumas localidades no interior de Canoinhas.

Os dois municípios catarinenses estão entre os 15 maiores produtores de tabaco do país. Em Irineópolis são cerca de dois mil produtores.

Técnicos da Afubra – Associação dos Fumicultores do Brasil – visitaram o município pela quarta vez este ano para conferir os prejuízos ocasionados por problemas climáticos.

No mesmo dia, estragos em lavouras também foram registrados nos municípios de Cruz Machado e Paula Freitas, no sul do Paraná.
Total
0
Shares