Professor do IFSC Canoinhas é selecionado para evento pedagógico nos EUA

Avatar photo
Professor Gabriel foi o único pesquisador brasileiro selecionado com bolsa de viagem, para participar do evento.

LEIA TAMBÉM

 — PUBLICIDADE —
Whatsapp Emecar Canoinhas

De 9 a 12 de julho, o professor Gabriel de Bem, do curso técnico em Edificações do Câmpus Canoinhas do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), participa de um retiro pedagógico nos Estados Unidos, da Sociedade de Educadores de Ciências da Construção (Society of Building Science Educators).

Ele embarca segunda-feira (8) para o estado do Arizona. O evento vai ocorrer no Biosphere 2, o maior ambiente controlado do mundo dedicado à compreensão dos impactos das mudanças climáticas. No Sonoran Desert, os participantes poderão ter uma ideia do clima do futuro, por causa das temperaturas extremas do verão.

Professor Gabriel foi o único pesquisador brasileiro selecionado com bolsa de viagem, no valor de US$ 1.400 dólares, para participar do evento e apresentar os resultados da sua tese de doutorado em Engenharia Civil, pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR).

O trabalho foi defendido em dezembro de 2023 com o título “Brise-soleil responsivo: desenvolvimento, construção, análise do desempenho térmico, lumínico e da percepção do usuário em uma câmara bioclimática de baixo custo (CBBC)”.

Professor Gabriel conta que o projeto, caracterizado pela complexidade de áreas envolvidas, contou com a contribuição dos professores Alexandre de Abreu, do curso superior de tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, e Marlon Mulhbauer, de matemática.

A Sociedade de Educadores de Ciências da Construção reúne educadores universitários e profissionais de arquitetura, engenharia, construção e outras disciplinas relacionadas que apoiam a excelência no ensino de ciências ambientais e tecnologias de construção.

A seleção para o prêmio focou no potencial de participação para aprimorar o ensino, a pesquisa, o serviço profissional e as atividades de networking do candidato e no potencial de benefícios para a instituição e o país do candidato.

No evento deste ano, serão discutidos temas que professor Gabiel acredita serem muito importantes para a Educação e a área de edificações, como o impacto da inteligência artificial no ensino e na arquitetura; contribuições dos educadores da ciência da construção para o desenvolvimento da força de trabalho; integração do ensino de ciências da construção com o ateliê de projeto; processos de aprendizagem experimental em ciência da construção e projetos climaticamente responsivos; e simulação de desempenho de edificações em cursos de graduação.