120 mil pessoas podem ter sido atingidas pelas águas

Avatar

Desde domingo pela manhã, o Secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli acompanha a situação na região Norte de Santa Catarina. 

Moratelli visitou diversos municípios da região e trouxe um panorama do que visualizou lá. 
Nesta terça-feira (09) retornou acompanhado do governador, Raimundo Colombo esteve, em Rio Negrinho, no Norte Catarinense, para tomar conhecimento da extensão dos danos provocados pelas chuvas do último fim de semana e que levaram a prefeitura a decretar Estado de Calamidade Pública. 
\” Continuamos o levantamento. No entanto, vamos atender cada catarinense que foi afetados pelas cheias. Ainda há regiões que tem acúmulo de água, por isso os estragos serão contabilizados quando as águas baixarem\”, destacou Moratelli.

Ainda na tarde de hoje, a comitiva se reuniu com prefeitos de pelo menos 10 municípios. O primeiro encontro foi realizado em Canoinhas, Planalto Norte do Estado. 

Estavam presentes os prefeitos de Canoinhas, Bela Vista do Toldo, Irineópolis, Major Vieira, Porto União, Três Barras, Papanduva, Monte Castelo, Itaiópolis e Mafra. 
A ocasião foi para discutir qual melhor maneira de atender os catarinenses atingidos. Também foi momento de fazer uma avaliação dos danos, de forma preliminar.

O Governo liberou R$ 50 mil em óleo diesel para cada município atingido, o que equivale a 20 mil litros do combustível, para serem usados nas máquinas que irão auxiliar na remoção do lixo, do entulho e no transporte de alimentos e água. 

A outra etapa consiste na avaliação, com a documentação de todas as demandas, para que o Governo possa liberar os recursos que serão aplicados na reconstrução de pontes, vias públicas, estradas e na reurbanização das cidades.

A estimativa é que cerca de 120 mil pessoas tenham sido atingidas pelas chuvas em Santa Catarina. Os municípios que tiveram maior impacto foram Porto União e Três Barras. 

São aproximadamente 20 mil pessoas atingidas e mais de 200 famílias desalojadas. 
Estão abertos 10 abrigos para atender as vítimas dessas cidades. Canoinhas tem cerca de dez mil pessoas afetadas. O município conta com três abrigos, que receberam 25 famílias. 
Já em Mafra são 15 mil pessoas atingidas e 120 famílias, que estão abrigados em quatro locais disponibilizados pela prefeitura.

Na manhã desta terça-feira, em visita a Santa Catarina, o Ministro da Integração Nacional, acompanhado do Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil liberou R$ 3 milhões para o atendimento emergencial aos municípios. O Governador liberou mais R$ 2 milhões. “Ninguém vai ficar sem atendimento”, frisou Colombo.

O registro mais recente aponta 39 municípios afetados pelas chuvas, sendo que 21 cidades já decretaram Situação de Emergência e duas em Estado de Calamidade Pública. O número pode sofrer alterações no decorrer das horas, já que algumas prefeituras ainda fazem o atendimento emergencial às vítimas.

Fonte: Defesa Civil de SC

Total
0
Shares