Defesa Civil investe em prevenção em prol dos municípios de Canoinhas, Mafra, Três Barras e Porto União

Todos os anos as inundações e estiagens chamam a atenção em Santa Catarina. A informação antecipada pode minimizar danos, prejuízos e preservar vidas.
O Estado de Santa Catarina está inserido em uma das regiões mais propícias a tempo severo na América do Sul.
Essa característica torna nosso Estado o maior do país em recorrência de desastres naturais. Todos os anos as inundações e estiagens chamam a atenção, e os impactos econômicos e sociais são sentidos pelos catarinenses, tanto em relação aos eventos extremos, como pela ocupação desordenada — informa o Coordenador Regional de Defesa Civil, Clodoaldo Ribas dos Santos.
O Governo do Estado, através da Defesa Civil de Santa Catarina, está investindo na prevenção e mitigação de riscos de desastres.

Para tanto, serão entregues nesta terça feira, 12 de novembro de 2019 às 16:00 horas na Câmara de Vereadores de Canoinhas, trinta e cinco \”Cartas de Inundação e Sistemas de Previsão de Eventos Hidrológicos Críticos\” aos municípios de Canoinhas, Mafra, Três Barras e Porto União.

Foto: Flávio Jr, Ascom Defesa Civil de Santa Catarina

A ação vai ajudar em políticas de prevenção nos municípios e também beneficiam no planejamento urbano dessas cidades. O documento busca instrumentalizar as Defesas Civis no controle e previsão de cheias e inundações. Da mesma forma, no apoio em operações e ações de proteção e defesa civil.

As Cartas poderão ser utilizadas no mapeamento e análise de riscos hidrológicos, redes de monitoramento e alerta, e como ferramenta para o planejamento urbano dos municípios.

Total
0
Shares