Catarinense participa do Caldeirão do Huck e tem seu carro reformado no “Lata Velha”

Kombi ano 1971 totalmente reformada após participação de Darlan Romani no quadro Lata Velha. Foto: TV Globo/Reprodução

O catarinense Darlan Romani é hoje é um dos principais atletas do Brasil. Darlan é natural de Concórdia, no oeste catarinense e recordista nacional e sul-americano no arremesso de peso.

Conquistou o ouro inédito na modalidade, nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, duas vezes nos Jogos Mundiais Militares, no Sul-Americano e também no Ibero-Americano.

Mas uma das suas maiores conquistas, segundo ele, foi realizada recentemente. Romani teve a sua Kombi ano 1971, sua xodó, reformada pelo programa Caldeirão do Huck.

Foto: TV Globo/Reprodução
Esperança de medalha para o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio 2020 no Arremesso de Peso, o atleta não segurou as lágrimas ao ser surpreendido pelo apresentador e ser o primeiro personagem da nova temporada do \”Lata Velha\”.

Segundo ele, há anos tentatva chamar a atenção de Luciano Huck nas redes sociais. Huck, então, resolveu realizar o sonho.

O amor pela Kombi tem um grande motivo: o pai do atleta trabalhava com transportes escolar, e o primeiro carro que ele usou para iniciar sua empresa foi uma Kombi. 

Foto: TV Globo/Reprodução
Depois da morte do ente querido, ele deu de cara com um automóvel do mesmo modelo e não resistiu à conexão. Adquiriu o veículo pagando em prestações, mas não sobrou verba para a reforma.

\”O pai era nosso maior exemplo e ele que ensinou a gente a ter essa paixão por ônibus, transporte.”
\”Comprar a Kombi foi uma maneira de homenagear o nosso pai. Foi onde começou a nossa história\”.

Darlan interprestou música de Michel Teló. Foto: TV Globo/Reprodução

O gigante de 1,90 m e 155 kg entrou no ritmo das canções do técnico do The Voice, Michel Teló e deu um show no palco do Caldeirão, garantindo assim o veículo de volta, reformado, após a plateia aprovar a apresentação.

Total
0
Shares