Efeito Coronavírus: mais de mil presos foram colocados em liberdade em Santa Catarina

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) informa que, atendendo a determinação judicial, 1.077 internos foram colocados em liberdade neste sábado (21), em Santa Catarina.

As liberações incluem internos que estavam próximos de progredir para o regime aberto, ou que se enquadram no grupo de risco para complicações com o novo Coronavírus, como idosos ou doentes crônicos,  diabéticos, portadores de HIV, pessoas em tratamento de câncer ou ainda aqueles que receberiam a liberdade até 30 de junho.

Ao todo, 1.077 internos foram colocados em liberdade em todo o Estado, atendendo determinação judicial.

A decisão foi tomada pelo Poder Judiciário devido ao ambiente de risco para proliferação da doença, dentro das prisões. Em Itajaí, foram liberados 128 presos.

A quantidade de detentos libertados nas demais unidades prisionais ainda não foi informada pela SAP.

No último dia 11 de março, a Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa distribuiu Comunicado Oficial para todos os servidores dos sistemas prisional e socioeducativo, orientando as equipes de trabalho, nas mais diferentes funções, a reforçarem os cuidados com a higiene, para minimizar o risco de infecção pelo novo COVID-19.

Total
0
Shares