Homem é detido ao ficar nu e fazer fazer “gracinhas” dentro de loja em Canoinhas

Suposto cliente ficou pelado no provador da loja e de cortinas abertas. Imagem ilustrativa.

Um homem foi detido na manhã de sábado (3), por importunação sexual, em uma loja de roupas no centro de Canoinhas.

A Polícia Militar foi acionada às 11h10 para a Rua Getúlio Vargas, onde um homem teria entrado no estabelecimento comercial e estaria pelado dentro de um provador, com a cortina aberta.

A guarnição encontrou o homem, dentro do provador, o qual estava sentado segurando o órgão genital.

Uma das funcionárias relatou à PM que estava no seu local de trabalho, quando o homem entrou e pediu para provar algumas roupas.

Quando ele foi para o provador, tirou a roupa e não fechou a cortina. Começou então a fazer \”gracinhas\” para todas as funcionárias.

Diante dos fatos, os policiais militares conduziram o envolvido para a Delegacia de Polícia Civil.

O crime de importunação sexual, definido pela Lei n. 13.718/18, é caracterizado pela realização de ato libidinoso na presença de alguém de forma não consensual com o objetivo de satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro.
Pena – reclusão, de 1 (um) a 5 (cinco) anos, \”se o ato não constitui crime mais grave.”

Total
0
Shares