Morte de jovem em suposta ‘roleta-russa’ é investigada em SC

Avatar
Jovem de 23 anos estava em um sítio com amigos e morreu com um tiro na cabeça.
morte roleta russa

A Polícia Civil de Pedras Grandes, no sul catarinense, investiga a morte de um jovem de 23 anos, ocorrida na noite de domingo (4), cuja causa pode ter sido por participação do jogo conhecido como ‘roleta-russa’.

O jogo consiste em que os participantes deixam uma única bala no tambor de um revólver, posicionam esta arma contra si ou contra outra pessoa e apertam o gatilho sem saber se a bala será disparada ou não.

De acordo com a polícia, Lucas Speck Rodrigues morreu após levar um tiro na cabeça.

O jovem, que morador do município do Morro da Fumaça, também no sul de SC, estava em um sítio com amigos em Pedras Grandes, quando o disparo com arma de fogo aconteceu.

Ele foi levado ao Hospital São José, de Criciúma, por dois amigos, mas chegou ao local já sem vida. Um dos amigos teria dito que o jovem disparou a arma de forma acidental.

A Polícia investiga a quem pertencia a arma e sobre o eventual crime de posse e porte de arma de fogo, e se o disparo foi cometido por algum integrante da confraternização ou pelo próprio Lucas.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Gabriel Luiz Marcondes, a princípio, o suicídio por si só não configura infração penal, porém, caso haja indução ou a pessoa seja instigada ao ato, passa a ser configurada indução ou instigação ao suicídio com resultado de morte.

Comprovada a autoria de eventual suspeito, ou indução ao suicídio com resultado morte, o mesmo poderá ser condenado a uma pena de reclusão de 2 a 6 anos.

Foto: Arquivo pessoal/Reprodução

Total
1
Shares