Santa Catarina registra mais três mortes por Covid-19; casos confirmados sobem para 281

Nesta quinta-feira (2), mais três mortes por Covid-19 foram confirmadas em Santa Catarina Catarina.

A informação foi divulgada pela governador Carlos Moisés da Silva, que também atualizou o número de pessoas contaminadas: são 281 casos confirmados em todo o território catarinense e 5 mortes.

Vigilância Epidemiológica de Criciúma confirmou, no final da manhã, a primeira morte por coronavírus no município.

A contraprova do teste do empresário Evaldo Stopassoli, de 73 anos, que morreu na madrugada de quarta-feira, 1º de abril, apontou positivo para Covid-19. 
O primeiro resultado divulgado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (Lacen) descartou a morte por coronavírus, porém, a contraprova veio com o resultado diferente e foi aceita pela Secretaria de Saúde de Santa Catarina.

Já início da tarde, a Prefeitura de Florianópolis confirmou mais um falecimento, por coronavírus, no estado: o de uma idosa de 87 anos que internada em uma clínica particular, na cidade de São José, na Grande Florianópolis.

Em Antônio Carlos, a morte foi de uma mulher de 66 anos, que estava abrigada no mesmo asilo onde ficou o homem de 86 anos, que foi a primeira pessoa a morrer de Covid-19 no estado.

Ela estava internada no Hospital Municipal de Biguaçu, mas não resistiu.

A informação foi divulgada pela prefeitura de Antônio Carlos por volta das 15h45min desta quinta. Em nota, a Administração do município informou que outros seis idosos e um funcionário do estabelecimento testaram positivo para Covid-19.

Os exames foram realizados pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). Outras 24 pessoas submetidas ao exame, no asilo, testaram negativo para doença.