Nova matriz de risco mostra quase a totalidade de SC em nível gravíssimo

Avatar
Reprodução/SES

Nesta quarta (2), o Governo do Estado atualizou o mapa de risco da Covid-19. A atualização do risco potencial das regiões do estado está no mapa acima. 

Todas as regiões do estado estão em risco potencial Gravíssimo ou Grave para Covid-19. Quinze, das 16 regiões do estado, encontram-se em nível GRAVÍSSIMO de risco para Covid-19. 

Com exceção das regiões do Alto Uruguai Catarinense e Foz do Rio Itajaí as demais regiões estão classificadas com o nível Gravissimo pela segunda semana consecutiva.

Com a atualização da matriz, cada dimensão deve ser interpretada como um sinal de alerta. O aumento do risco em cada uma delas motiva o aumento do risco da região, e deve ser considerada na priorização da atuação local.

REGIÕES EM ALERTA

Todas as regiões do estado registram alta transmissão de Covid-19. O grande do número de casos dificulta ações de vigilância e monitoramento de casos e contatos. Neste cenário é necessário aplicar ações que reduzam o contato entre as pessoas como a restrição do funcionamento de atividades.

OCUPAÇÃO DE LEITOS DE UTI

Todas as regiões encontra-se em alerta máximo para a ocupação de leitos de UTI. Há necessidade de cancelar a realização de cirurgias eletivas, colocar em funcionamento todos os leitos disponíveis, 
ampliar ações de identificação de manejo precoce de casos e investir em restrição de contato entre as pessoas para que haja redução da ocupação em médio prazo.

Dos 1.448 leitos de UTI existentes pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina, há 1.241 ocupados.


CASOS

Santa Catarina tem 378.621 casos confirmados de Covid-19. Desses, 341.732 são considerados recuperados e 33.034 continuam em acompanhamento. O dado foi divulgado nesta quarta-feira, 2. 

A doença respiratória causou 3.855 óbitos no estado desde o início da pandemia. A taxa de letalidade é de 1,02%.
Total
0
Shares