Pesquisa mostra que 73% dos brasileiros pretendem tomar vacina contra Covid-19

Avatar
A preferência, segundo a pesquisa, é por uma vacina norte-americana. Reprodução

O número de brasileiros que não pretendem, neste primeiro momento, se vacinar contra a Covid-19 aumentou, mostrou pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (12).

A média de entrevistados que pretendia participar da campanha anteriormente, de 89%, caiu para 73% neste levantamento.

A pesquisa foi feita por celular entre 8 e 10 de dezembro, com 2.016 pessoas de todos os estados. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Os resultados foram os seguintes:
Sim: 73% (em agosto, eram 89%)
Não: 22% (em agosto, eram 9%)
Não sabem: 5% (em agosto, eram 3%)

Obrigatoriedade

O Datafolha também perguntou se a vacinação deve ser obrigatória. Veja os resultados:

Sim: 56%
Não: 43%
Não sabe: 1%

Países

O instituto perguntou, ainda, se os entrevistados tomariam uma vacina desenvolvida por um dos 4 países abaixo. Os resultados foram:

Estados Unidos: 74%, sim; 23% não; 3%, não sabe
Inglaterra: 70%, sim; 26%, não; 4%, não sabe
Rússia: 60%, sim; 36%, não; 4%, não sabe
China: 47%, sim; 50% , não; 3%, não sabe

O levantamento foi realizado em um momento de impasse entre Bolsonaro, contrário à obrigatoriedade da imunização, e os governos estaduais que se movimentam para que as campanhas de vacinação comecem o quantos antes, com destaque para o governador de São Paulo, João Doria, que chegou a marcar data para passar a imunizar a população, em 25 de janeiro.

Até agora, nenhum imunizante está registrado e licenciado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), etapa prévia obrigatória para que a vacinação possa ser realizada.

Até agora, nenhum imunizante está registrado e licenciado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), etapa prévia obrigatória para que a vacinação possa ser realizada.

Total
0
Shares