Rio Canoinhas sobe mais de 2 metros e sai do nível de alerta

Acumulado de chuvas dos últimos dias deixa nível do Rio Canoinhas em 4,84m
Foto: Rio Canoinhas/BR-280/Arquivo.

Com uma precipitação de chuva de 86 mm, registrado pela Epagri/Ciram nas últimas 120 horas, a situação do Rio Canoinhas saiu do nível de alerta para estiagem e está em seu nível normal.

Situação atual do Rio Canoinhas/Estação Casan

O maior volume de chuva foi registrado entre a tarde da última sexta-feira e manhã de sábado (dias 14 e 15), quando foram registrados 24.4 mm.

Conforme última mediação efetuada pela CASAN, às 2130h deste domingo (16), o nível do rio estava marcando 3,53 metrosHá 8 dias o nível do Rio Canoinhas marcava 1.34 metros.



CHUVA E VENTO NO ESTADO

Na última sexta-feira e madrugada de sábado, dias 14 e 15, um cavado (sistema de baixa pressão alongada) que de deslocou do oeste para o litoral Catarinense, provocou tempestades com vento forte, e a maior intensidade ocorreu em Tangará, onde foram registrados ventos de 101,27 km/h.

O maior acumulado de chuva foi registrado em Lages de 90 mm.
Descarga elétrica, granizo e indício de tornado foi registrado em em Irineópolis, Água Doce, Ibicaré, Tangará.
GRANIZO
Seguem abaixo os municípios do Estado com registro de granizo, entre  tarde do dia 14 e a madrugada do dia 15:
Chapecó, Campos Novos, São Carlos, Piratuba, Florianópolis, São João do Itaperiú, Jaraguá do Sul, Barra Velha, Vargem, Capinzal, Ibiam, Água Doce, Tangará, Catanduvas, Vargem Bonita, Ibicaré, Blumenau, Monte Castelo, Lages, Curitibanos, Belmonte, Dr Pedrinho, Porto União, Rancho Queimado, Ilhota, Biguaçu, São José, Palhoça, Joaçaba, Pouso Redondo, Ibirama, São Miguel do Oeste, Concordia, Videira, Santo Amaro da Imperatriz, Maravilha, Mondaí, Otacílio Costa, Guaramirim, José Boiteux e Joinville.