Inaugurada unidade de classificação de maçã em Major Vieira

Avatar

A unidade de classificação foi possível graças à união de um grupo formado por 12 agricultores Em Major Vieira, na localidade de Rio Novo foi inaugurada uma unidade conquistada pela AFRUMAVI (Associação de Fruticultura de Major Vieira).

De acordo com os fruticultores a unidade é uma grande vitória para o produtor e será um diferencial no processo competitivo na região.

A conquista da unidade é o resultado do esforço dos 12 associados e o apoio do Deputado Darci de Matos, do Prefeito de Major Vieira Israel Kiem, do vice-prefeito, David Ferens Primo, do secretário municipal da agricultura Maurício Sobczak, da Epagri e de toda a equipe que faz parte da atual gestão, reconhecem os fruticultores. Também em Monte Castelo iniciou-se a comercialização da maçã.
 Interessados em visitar os pomares para compra das frutas pode entrar em contato com a Cooperpomares (47)3654-0096 [email protected] ou Epagri de Monte Castelo (47) 3654-0322.

Em Papanduva os produtores estão fazendo a comercialização em parceria com empresa de Fraiburgo que faz a venda. Em Itaiópolis os produtores estão fazendo a classificação e comercialização na unidade instalada no antigo parque de exposições.

No Planalto Norte de Santa Catarina Nasce um Grande Polo de produção de Maçãs

Nasce o terceiro maior polo de produção de maçãs em Santa Catarina, os municipios de Monte Castelo, Itaiópolis, Papanduva, Canoinhas e Mafra já possuem mais de 300 produtores de maçãs entrando em produção são mais de 12.000.000 de kg.

Somente em Monte Castelo são mais de 100 produtores. Na região as variedades Castel Gala e Eva apresentaram excelente adaptação. Em Itaiópolis possui uma unidade de classificação e vendas no seu antigo parque de festas, em Papanduva já existe outra unidade de classificação e neste ano sera instalado mais uma unidade de classificação em Monte Castelo.

As maçãs produzidas na região do planalto norte possuem excelente qualidade e com a vantagem de serem colhidas 30 dias antes das regiões de Fraiburgo e São Joaquim.
Autoridades politicas, EPAGRI, EMBRAPA e governo de Santa Catarina vem apoiando os produtores na produção e comercialização.

O Brasil produz Pêras !

No Brasil até então ainda não se produzia pêras. A pêra consumida pelos brasileiros é ainda toda importada. Porém surge um pólo produtor de pêras com excelente qualidade e produtividade no município de Itaiópolis em SC, este município é hoje o maior produtor de peras do Brasil.

Os produtores são de descendência ou origem polonesa, são dezenas de produtores no município. O pioneiro é o Sr. João Brongiel ( maior produtor individual de pêras do Brasil) um Senhor velhinho, simpático e muito inteligente que cultiva pêras desde 1970 em 40 ha na localidade de São Pedro no interior de Itaiópolis, depois de muita persistência, experiências e tentativas ele conseguiu aclimatar ou adaptar ao nosso clima pêras até então desconhecidas como das variedades kaifer, iari de origem chinesa e hachu de origem japonesa.

 Também desenvolveu técnicas de manejo que hoje são admiradas e copiadas por pesquisadores uma delas é o arqueamento ou quebra parcial dos galhos para induzir a frutificação, também consegue com um manejo diferenciado plantas baixas fácil para podar, tratar, fazer o raleio e colheita dos frutos sem escada. A colheita na sua propriedade inicia-se no final de Janeiro e vai até final de fevereiro.

No seu pomar são colhidos 200 kg por planta, Hoje ele é um grande incentivador para que outros produtores também plantem pêras, fornecendo mudas e ensinando sua técnicas de manejo por ele desenvolvidas para fazer as pêras produzirem. Outra curiosidade para fazer as mudas das pêras usa porta enxerto de marmelo.

Total
0
Shares