Condutor abordado no centro de Canoinhas “faz teatro” para tentar enganar a Polícia Militar

Avatar
Foto: Polícia Militar/Divulgação
Na madrugada desta sexta-feira (29), por volta das 02h26, policiais militares em rondas pela rua Vidal Ramos, área central de Canoinhas, se depararam com um veículo VW Gol transitando na contramão em frente a SBO.
Ao ver a viatura,  o condutor estacionou e desceu do veúculo e simulou problema de saúde como dores no peito e forçando vômito. Relatou que estava passando mal e seguia ao Pronto Atendimento.
Os policiais então acionaram a guarnição dos Bombeiros que o examinaram e constataram que o mesmo estava bem.
Por um período de tempo, o condutor ficou abaixado, ao lado de sua namorada, onde lhe entregou algo.

Após o procedimento dos bombeiros foi oferecido o teste de bafômetro ao homem, o qual recusou.

Então foi explicado que seu veículo seria removido ao pátio conveniado por não haver condutor habilitado. 
Nesse momento os integrantes da Central de Emergência, que estava acompanhando a ocorrência através das câmeras de videomonitoramento, realizou consulta da placa do veículo e viu que se tratava de uma pessoa envolvida com tráfico de drogas e começou a acompanhar a movimentação do casal.

Neste momento a namorada do suspeito viu um amigo do mesmo passando de bicicleta e foi até ele, entregando-lhe um pacote.

Este foi até uma árvore e posteriormente foi até um estabelecimento comercial próximo, onde foi abordado por outro policial militar.

Enquanto isso foi perguntado à namorada se ela entregou algo para o homem de bicicleta, confirmou que sim, mas foi interrompida pelo seu namorado, que não a deixava responder.

Posteriormente foi levado ao local o outro envolvido ( o da bicicleta) qual chegou dizendo: —desculpa cara as câmeras pegaram tudo — e sem perguntar nada para este já foi dizendo  —Essas 5 gramas não são minhas —sendo que a droga nem havia sido pesada.

Conversado com namorada, a mesma relatou que seu namorado andou na contramão porque queria fazer isso e quando viu a guarnição PM passou a droga para ela, pois era menor de idade.

Após a remoção do veículo, todos os envolvidos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis.

Total
0
Shares