Moradora utiliza tribuna para relatar estado precário de rua no bairro Sossego

Ainda não houve licitação para a escolha da empresa para realizar o projeto de pavimentação da rua Otto Friedrich. Foto: Divulgação

Na sessão de segunda-feira (17),  Elisabete Padilha utilizou a tribuna em nome dos moradores da rua Otto Friedrich, para falar sobre o estado precário que se encontra a via, localizada no Bairro Sossego. Os moradores da rua realizam um abaixo assinado com o objetivo de conseguirem um asfalto para a via.

Conforme Elisabete, em todo o bairro somente a rua Otto Friedrich não tem nenhum tipo de pavimentação. Em conversa com o prefeito em outubro de 2019, os moradores pediram para que a prefeitura pudesse fazer um projeto para pavimentação.

E nessa segunda Elisabete esteve na Câmara para trazer a notícia aos vereadores que, conforme contato dos moradores com a prefeitura, o projeto já está concluído. 
De acordo com a moradora a obra deve custar em torno de R$1,5 milhão a R$2 milhões, sendo necessário o empenho dos vereadores na busca de recursos, emendas parlamentares  junto aos deputados.

Vereador Coronel Mário Renato Erzinger (PL) comentou que é muito justa a vinda dos moradores à Câmara, e salientou a importância dos moradores de ruas já asfaltadas de contribuírem com o Fundo Municipal de Pavimentação, que na maioria das vezes não ocorre por parte dos munícipes. 

Já a vereadora Zenici Dreher (PL) fez a proposta para que os vereadores façam requerimentos aos seus deputados buscando os recursos necessários para a pavimentação da via. 
Vereador Célio Galeski (PL) lembrou que as pavimentações no bairro sossego iniciaram no governo do ex-prefeito Beto Faria, e a rua Otto Friedrich acabou não sendo beneficiada com asfalto e ainda hoje não tinha o projeto para pavimentação.
O vereador Paulo Glinski (PSD) disse da importância de já ter o projeto em mãos, e sugeriu um requerimento assinado por todos os vereadores e direcionado a todos os deputados e senadores de Santa Catarina, para ver a viabilidade de disponibilizar recursos para a pavimentação. 
Vereador Wilmar Sudoski (PSD) falou da importância da união dos moradores em prol de um objetivo e que assim traz mais força para as reinvindicações, lembrou que em Canoinhas inúmeras ruas não tem pavimentação asfáltica, e também são de extrema importância.

Lembrando que em 2017 já foram confeccionados requerimentos sobre a rua, a vereadora Norma Pereira (PSDB) comentou que realmente é importante a pavimentação da Otto Friedrich, e que em 2019 também foram enviados requerimentos sobre a via à prefeitura e não tiveram respostas. 

Mesmo não tendo a Otto Friedrich no pacote das pavimentações, o vereador Gil Baiano (PL) parabenizou o prefeito municipal pelo financiamento de R$19 milhões, aprovado pela Câmara de Vereadores, que estão sendo investidos em diversas ruas do município.

Já ao final da sessão o presidente da casa, vereador Paulinho Basílio (MDB), informou que durante a fala da moradora Elisabete Padilha ele entrou em contato com o secretário de planejamento. 

O secretário informou ao presidente que ainda não houve a licitação para a escolha da empresa para realizar o projeto de pavimentação da rua Otto Friedrich, o que deve ocorrer nas próximas semanas.
ASCOM – Câmara de Vereadores de Canoinhas
Total
0
Shares