Cinco pessoas são executadas dentro de casa em Irati

Chacina aconteceu em uma residência na Vila São João, onde estavam quatro homens, uma mulher e um bebê de 4 meses.

Cinco pessoas, entre 18 e 34 anos, foram executadas com disparos de arma de fogo e golpes de arma branca (faca/facão) na noite de quinta-feira (16), em uma residência localizada na Vila São João, em Irati (PR). O lugar, segundo a polícia, era conhecido anteriomente como Buraco Quente.

Residência onde cinco pessoas foram executadas/Reprodução

As vítimas são quatro homens e uma mulher. Como houve a morte de muitas pessoas ao mesmo tempo, o ocorrência foi classificada como uma chacina/ massacre, “e cometida com muita crueldade”, relatou o delegado da 41ª Delegacia Regional de Irati, Paulo César Ribeiro. “Um golpe com faca abriu o rosto de uma das vítimas”, informou.

As mortes ocorreram por volta das 20h30 e foram cometidos por pelo menos três pessoas, de acordo com o delegado, tendo em vista a quantidade de tiros que foram disparados.

Três vítimas foram encontradas sem vida dentro da casa e outras duas no terreno. Um dos mortos havia saído recentemente da prisão e usava tornozeleira eletrônica e segundo e delegado, todas tinham passagens pela polícia.

As vítimas foram identificadas como Danilo Vinicius Gaioch Conrado (18), Alex Cesar ferreira (24), Ednaldo de Souza nascimento (33), Jaine Shaiane Fernandes (27) e Wellington vieira de Andrade (21).

Vítimas de chacina em Irati/Reprodução

Um bebê, de oito meses, que estava na casa onde aconteceu a chacina, foi poupado pelos criminosos. A criança estava junto com os pais, Wellington e Jaine.

Socorristas do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) chegaram a ser acionados, mas as vítimas já estavam em óbito.

Alex, Wellington e Ednaldo já tinham passagens por tráfico de drogas e por tentativa de homicídio, segundo a polícia. Até o início da noite desta sexta-feira (17), nenhum suspeito havia sido preso.


Leia também