Estiagem leva município catarinense a aplicar multa de R$ 160 para quem desperdiçar água

Um dos locais de captação de água da Casan em Chapecó. Foto: Casan/Reprodução

Com a pior estigem dos últimos 10 anos, pelo menos 40 municípios catarinenses estão em situação de emergência, 24 deles desde o primeiro semestres, a maior parte no Oeste do estado. 

A previsão para segunda-feira (9), é de chuva localmente forte e temporais isolados para todas as regiões, especialmente do oeste ao planalto e Vale do Itajaí, mas não deve resolver o problema nos municípios mais críticos.

Alguns estão com rodízio no fornecimento de água, entre eles Iporã do Oeste, que agora terá também multa de R$ 160 para quem for flagrado desperdiçando água.

O documento municipal prevê multa para pessoas que lavarem carros, calçadas, muros e telhados com a água fornecida pela Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan). Muitas famílias do interior estão sendo abastecidas por caminhões-pipa.

No Planalto Norte, a pior situação é do Rio Canoinhas, que preocupa a Defesa Civil e pode comprometer o abastecimento.

A estiagem compromete as reservas hidrológicas, a capacidade de captação e distribuição do sistema de abastecimento de água do município de Canoinhas.
Segundo a Defesa Civil, a situação ainda não é crítica, mas necessita atenção, principalmente na agricultura.

As perdas na atividade rural ainda não podem ser quantificadas com total exatidão, pois a safra de verão ainda está no início. 

“Mas a preocupação é grande, principalmente com feijão, com o milho. Além disso, o que preocupa ainda mais é o retardamento de plantio de algumas culturas, como é o caso da soja”, destaca Donato João Noernberg, Secretário Executivo do Comitê do Rio Canoinhas e Afluentes do Rio Negro. 

A agriculta ainda resistindo à seca, apesar dos problemas sinalizados pelos agricultores. 
O Rio Canoinhas, um dos principais afluentes da região, está com nível de água a 1,05m na noite deste domingo (8).

MANEIRAS DE ECONOMIZAR ÁGUA

  • Evite banhos demorados;
  • Não use o vaso sanitário como lixeira;
  • Mantenha a torneira fechada ao fazer a barba e ao escovar os dentes;
  • Antes de lavar os pratos e panelas, limpe bem os restos de comida e jogue-os no lixo;
  • Deixe a louça de molho na pia com água e detergente por uns minutos e ensaboe. Repita o processo e enxágue;
  • Adote o hábito de usar a vassoura e não a mangueira, para limpar a calçada e o quintal de sua casa;
  • Não lave o carro durante a estiagem. Caso faça, use balde e pano para lavar o carro em vez de mangueira;
  • Use regador para molhar as plantas em vez de utilizar mangueira;
  • Utilize a máquina de lavar somente quando estiver na capacidade total;
  • No tanque, feche a torneira enquanto ensaboa e esfrega a roupa;
  • Mantenha a válvula de descarga regulada, e conserte imediatamente vazamentos.

ATIVIDADES COM MAIOR DESPERDÍCIO DE ÁGUA/DIA

  • Torneira gotejando: 40 litros diários;
  • Torneira aberta durante 5 minutos: 80 litros diários;
  • Banho de 15 minutos: 243 litros;
  • Lavar a calçada com mangueira por 15 minutos: 279 litros.

Na região do Planalto Norte, a agriculta ainda está resistindo à seca, apesar dos problemas sinalizados pelos agricultores.

Total
0
Shares