Mãe é presa por prostituir filha de 8 anos por drogas, no Vale do Itajaí

Avatar
A suspeita da polícia é de que o crime ocorria há mais de um ano.

Uma mulher, de 30 anos, e um idoso de 69, foram presos pelos crimes de estupro de vulnerável e armazenamento de pornografia infantil.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher é suspeita de prostituir filha de 8 anos em troca de dinheiro e drogas em Blumenau, no Vale do Itajaí, e foi presa na sexta-feira (26).

O idoso é apontado como autor do estupro contra a menina e já havia sido detido no dia 19 de março.

A investigação da polícia teve início no dia 17 de março, após o recebimento de um vídeo que mostrava o estupro contra a criança.

A suspeita da polícia é de que o crime ocorria há mais de um ano. Em depoimento, o homem afirmou que comprava drogas para a mãe e a auxiliava financeiramente como retribuição pelo crime.

A delegada responsável pelo caso, Juliana Cíntia de Souza Tridapalli, da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso de Blumenau (Dpcami) pediu a prisão preventiva dos suspeitos.

“A criança era levada na casa do homem, no período vespertino, quando deveria estar frequentado a escola. A criança, em razão da pandemia, não estava frequentando a escola de forma presencial”, disse a delegada.

No celular do autor do estupro foram encontradas diversas fotografias da vítima e o vídeo do estupro, além de outras imagens envolvendo pornografia infantil, retiradas da internet.

A mulher foi encaminhada ao Presídio Regional de Itajaí. Já o local em quem homem está preso não foi informado.

“Como era um caso muitíssimo grave, imediatamente identificamos os suspeitos, pedimos a prisão e foi determinada também a retirada das crianças. Eles estão sob responsabilidade do estado agora”, afirmou a delegada.

Foto: Polícia CivilDivulgação

Total
2
Shares