Crime em Joinville: polícia diz que idoso foi amarrado, estrangulado, queimado e morto a tiros

Idoso foi encontrado às margens de um mangue, enrolado em um cobertor.
Foto: Polícia Civil/Divulgação
Um idoso de 64 anos foi encontrado morto na madrugada desta domingo (19) em Joinville. Conforme a Polícia Civil, ele tinha sinais de estrangulamento, queimaduras no rosto e foi morto a tiros. 
Ninguém foi preso até a tarde deste domingo.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu por volta das 2h no bairro Comasa. O corpo foi encontrado enrolado em um cobertor, às margens de um mangue, e a vítima foi amarrado com um fio.

Pelo estado do cadáver indica tortura. Ou seja, foi bastante agredido em vida, durante a morte e após a morte, explicou o delegado Wanderson Alves Joana.

No local do crime, foram encontrados 16 projéteis de arma de fogo. A Polícia Civil ainda aguarda laudo cadavérico do Instituto Geral de Perícias (IGP) para entender a dinâmica do crime e dar andamento na investigação.

Pelo modus operandi trata-se de vingança. Estamos em investigações preliminares. Neste momento, ninguém foi identificado, completa o delegado.

Ainda segundo a Polícia Civil, o homem não tinha passagens criminais relacionado a tráfico ou organização criminosa. Entretanto, tinha antecedentes por crimes sexuas.

A Polícia Civil ainda solicita que informação relacionadas ao crime podem ser enviadas anonimamente à delegacia no telefone 181 ou inbox na página da delegacia nas redes sociais.

Total
0
Shares