Vereadores solicitam explicações da Secretária de Saúde sobre a reabertura do plantão presencial na aternidade do HSCC

Requerimento (ofício) de autoria dos edis Telma Bley, Paulinho Basílio e Camila Lima, os quais solicitam ao Prefeito Municipal, Gilberto dos Passos, e a Secretária Municipal de Saúde Zenici Dreher, informações sobre como estão as tratativas junto ao Hospital Santa Cruz, referente aos médicos Ginecologistas/Obstetras que fazem o atendimento para as pacientes do SUS em nosso município.

Ainda no requerimento questiona, o Corpo Clínico do hospital, no que se refere à reabertura dos serviços de Plantão Presencial de Ginecologia e Obstetrícia na Maternidade deste nosocômio. Considerando que o Plantão Presencial de Ginecologia/Obstetrícia na Maternidade do Hospital Santa Cruz de Canoinhas.

Desde a sua implantação trouxe segurança às gestantes de Canoinhas e até das cidades circunvizinhas.

Considerando a essencialidade deste serviço instalado no Hospital Santa Cruz de Canoinhas, sendo este o único hospital do município e com profissionais da especialidade e adensamento tecnológico apropriado para o suporte necessário às gestantes e outras intercorrências clínicas.

Considerando que no dia 16 de abril de 2019 ocorreu o óbito de um recém-nascido, pesando 4 Kg e 400 gramas, sendo que os familiares estavam em estado emocional abalado e que o médico “teria” dito aos mesmos que “passou do tempo de nascer” (SIC) e, que se trata de fato grave, pois segundo informações não daria tempo de chegar em Mafra, cidade essa onde estão sendo atendidas as gestantes de Canoinhas. Considerando a preocupação da população envolvida devido outras situações referentes às problemáticas que estão dificultando o atendimento adequado na Maternidade Dona Catarina Kuss de Mafra e a questão da logística. 

Lembra-se, que a Secretaria Municipal de Saúde deve assegurar serviços de qualidade aos usuários do Sistema Único de Saúde sem que resulte em prejuízos de qualquer natureza a estes. 
Considerando o número suficiente de médicos ginecologistas/obstetras que residem em Canoinhas e que é possível reiniciar as tratativas para devolver à comunidade este importante serviço, necessitamos das seguintes informações:

a) Desde que data o Plantão Presencial da Maternidade do Hospital Santa Cruz paralisou com os serviços?

b) Quantos partos normais e ou cesáreos já foram realizados na Maternidade Catarina Kuss de Mafra?

c) Quantos nascidos vivos?

d) Como estão sendo realizados os encaminhamentos das gestantes que necessitam de serviços de sala de parto e centro cirúrgico?

e) A Secretaria Municipal de Saúde está tomando providências, ou seja, buscando alternativas, fazendo tratativas para que os serviços da maternidade retornem para Canoinhas, assim devolvendo este serviço essencial às pacientes usuárias do Sistema Único de Saúde?

Na mesma sessão foi apresentado o requerimento de número 303/2019 de autoria dos três edis, os quais também pedem informações ao Prefeito Municipal e a Secretária Municipal de Saúde, quanto ao início do funcionamento do Plantão Presencial de Pediatria, conforme foi anunciado pela Secretaria de Saúde:

a) Já existe equipe/empresa contratada?

b) Quantos médicos pediatras farão parte da escala?

Em suas explicações pessoais, o vereador Paulinho Basílio, lembrou de requerimento feito por ele solicitando informações sobre os plantões dos médicos, “se o plano A não der certo qual seria o plano B, C ou D, caso não aparecessem médicos ao final do contrato, e ou serviços necessários, o executivo tem que responder a nós vereadores e a população agora”.

*Informações enviadas pela Assessoria da Câmara de Vereadores de Canoinhas

Total
0
Shares